Principais cuidados com seu animal de estimação

Blog

Principais cuidados com seu animal de estimação.

Muitas pessoas dormem com animais de estimação, porém existem alguns cuidados que devem ser tomados.


Cuidados-com-seu-animal-de-estimacao

Muitas pessoas adoram dormir com seu animal de estimação, porém existem alguns cuidados que devem ser tomados à cerca desse hábito. 

Neste post vamos falar de alguns cuidados que você deve tomar ao dividir sua cama ou sofá com seu animalzinho de estimação.

Antes de falarmos sobre os cuidados, que tal ficar sabendo sobre uma curiosidade do melhor amigo do homem? Você sabia que para seu cãozinho sua cama é a conquista mais importante pra ele? Para ele, dormir em sua cama é como para nós sermos promovidos ao melhor cargo em nosso emprego.

Separamos aqui as perguntas mais frequentes com relação ao nosso animal de estimação. Confira:

1.  Animais podem dormir com os seus donos? Esse hábito é ruim? 

Do ponto de vista psicológico, pode até ajudar as pessoas em relação à autoestima e segurança. Porém, dividir a cama com seu animal de estimação pode atrapalhar a qualidade do seu sono, principalmente para você que tem sono leve e dificuldades para dormir, pois você estará sempre preocupado em não machucar ou incomodar o seu pet. Outro problema encontrado é quando existem mais de um pet na mesma casa, por que isso implicaria em vários animais na mesma cama e, possivelmente, menos espaço e mais disputa territorial.

2. Quais doenças podem ser transmitidas?

Do ponto de vista de saúde e higiene, pode ser um hábito não aprovado pela maioria dos profissionais de saúde. Para você que é alérgico ou quem possui asma, esse hábito é completamente contraindicado. Inclusive, o seu animal não deve dividir nem mesmo o mesmo quarto que você. Em relação às doenças, acredita-se que, em animais vacinados e com controle adequado de parasitas (ácaros, pulgas, carrapatos e piolhos) e de vermes intestinais (giárdia, toxoplasmose para os gatos, tênias e outros vermes intestinais), não exista maior risco que dividir um sofá, o colo ou mesmo outras partes da sua casa.

3. Como fazer para evitar o risco de transmissão de doenças?

Vacinação regular, visitas regulares ao médico veterinário, controle de parasitas (endoparasitas e ectoparasitas), banhos regulares, manter o pelo aparado, escovação diária dos dentes e lavar os patas depois dos passeios devem ser medidas adotadas nesses casos.

4. Quais as consequências para o animalzinho?

O animal vai adorar dormir na mesma cama que seu dono e vai se sentir literalmente o “dono da cama”. Caso seja impedido de manter esse privilégio, o seu comportamento pode tornar-se agressivo ou depressivo, iniciar automutilação, demarcação de território entre outros.

5.  Em quais situações o hábito é contraindicado?

Não recomendamos esse hábito para pessoas sabidamente alérgicas, pessoas idosas, crianças e principalmente, junto com bebês. Não podemos esquecer que o filhotinho um dia vai ser tornar adulto e, no caso de raças grandes, vai ficar literalmente grande para dividir o mesmo espaço. Além disso, animais idosos podem não ter controle adequado de urina e fezes e, uma vez que foram acostumados a dividir a cama, isso pode se tornar, na velhice, um grande problema.

Essas perguntas são as mais frequentes e espero que respondendo todas elas, você agora saiba os cuidados necessários ao dividir algum cômodo de sua casa com seu animalzinho de estimação.

Como Tornar Seu Cão Seu Melhor Amigo!

Tenha Acesso a Este Guia Exclusivo e Gratuito, Com 19 Valiosas Dicas Que Com Certeza Tornarão Seu Cachorro, Seu Verdadeiro Melhor Amigo!


Voltar